Conhecer a si Mesmo – Inteligência Emocional

o poder do ser - conhecer a si mesmo

Não fuja de conhecer a si mesmo 

Olá leitores. Seguindo o tema sobre tratando de inteligência emocional,  falarei sobre as armadilhas da nossa mente que geram descontrole das emoções.

Na sociedade atual,  percebe-se que as pessoas estão cada vez mais
estressadas com os tarefas diárias relacionadas ao trabalho,  família,  e vida pessoal.
Nós fomos motivados a estudar,  ter um curso superior, as vezes pra chegar a esse resultado,  devorando livros de matérias que nunca vimos e nunca mais veremos em nossas vidas,  apenas como critérios de seleção em concursos e universidades.
Bom,  conseguimos um emprego,  nossa carreira profissional parece ser perfeita,  mas há algo que não foi desenvolvido e não estava nos livros do vestibular. A capacidade de gerenciarmos nossas emoções e os pensamentos que elas desencadeiam. A inteligência Emocional.
Aí que mora o problema, a base do sofrimento humano. Não ter controle sobre si mesmo em confronto com as situações da vida,  e a incapacidade de compreender o próximo,  quanto menos amá-lo, como Jesus Cristo pregou há mais de dois mil anos.
 
O ser humano passou a ser individualista, a correr contra o tempo em busca da sua ascensão profissional, e esqueceu de cuidar e conhecer a si mesmo para se desenvolver no que lhe faz mal. Muitos investem fortunas em bens materiais,  mas acham um absurdo investir algum dinheiro em autoconhecimento.  

Todos querem resultados que levem ao dinheiro, mas se investirmos em nós mesmos,  teoricamente não teremos retorno financeiro,  porque fazê-lo,  não é mesmo?.

 

Mas aqueles que chegaram lá,  nas suas metas e objetivos sem cuidarem de si mesmos,  sabem que essa linha de raciocínio leva para um caminho de infelicidade.
A inteligência emocional nos mostra que precisamos aprender sobre nossas emoções,  nosso comportamento,  fazer reparos quando necessário,  como fazemos em nossos carros,  casa e os bens que damos tanta atenção. De forma que melhoramos nossa personalidade adquirida,  e até então intocável por passividade diante de nossas falhas. 

Conhecer a si mesmo e identificar que tipo de pensamentos povoam a sua mente é a primeira e uma das mais importantes etapas do autoconhecimento. 
 

O primeiro passo para o Despertar da Inteligência Emocional é :

Conhecer a si mesmo observando seus pensamentos e sentimentos

 
Saber quem você é, sem nenhuma tentativa de defesa que logo surgirá em sua mente através do ego. Seja humilde para aceitar suas fraquezas e frustrações. Evite se defender,  ou reagir as suas fraquezas, imperfeições. 

Todos somos falhos e aprendizes nesse mundo e o ato de conhecer a si mesmo, exige honestidade em reconhecer os pontos positivos e pontos a melhorar em seu comportamento.

Quais são as consequências de suas falhas

Observe quais consequências suas atitudes trazem pra você e os outros. Se tiver dificuldade em filtrar isso,  análise suas emoções. Quando você  discuti ou quando não perdoa alguém por exemplo, você se sente como?
 
As emoções nos entregam,  e mostram que os sentimentos negativos abalam nosso estado natural do ser consciente.

Reflita sobre quem você é, porque as emoções negativas surgem em você,  faça uma análise fria sobre seu comportamento. Conhecer a si mesmo lhe dará ferramentas para mudar para um nível onde não seremos mais vítimas e sim criadores da nossa realidade. 

 

Continuar Lendo abaixo:

Fabio Alves

Sobre o autor (a) | Website

Meu nome é Fabio Alves, e criei o blog http://opoderdoser.com/, com o intuito de compartilhar conteúdo sobre desenvolvimento pessoal e autoconhecimento, além de dar espaço para profissionais da área fazerem o mesmo. Muito Obrigado por você estar aqui

FAÇA PARTE e RECEBA Conteúdos sobre Desenvolvimento Pessoal e Espiritualidade GRATUITAMENTE

100% seguro.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!